Home > Revista > Mercedes Classe A Sedan

Mercedes Classe A Sedan será feito no Brasil    

 



Modelo da Mercedes-Benz aparecerá no Salão do Automóvel de São Paulo.



09/08/2018 - Texto: Autoline | Foto: Divulgação

Jaguar controlado pelo relógio

A dianteira do Classe A Sedan é feita de linhas arrojadas.
    
O mercado brasileiro segue atraindo investimentos das montadoras, ainda mais quando a economia dá sinais de recuperação. Às vésperas do Salão do Automóvel de São Paulo, que acontecerá em novembro, a Mercedes-Benz anuncia que planeja fabricar o Mercedes Classe A Sedan no país para concorrer no segmento de sedãs médios de luxo, especialmente com o Audi A3.
 
Apresentado no Salão de Pequim, na China, em abril, o Mercedes Classe A Sedan, em princípio, virá do México, mas a marca já se prepara para nacionalizá-lo, a fim de aproveitar um pouco mais as instalações da fábrica de Iracemápolis, no interior de São Paulo.
 
Em relação ao irmão CLA, o Mercedes Classe A Sedan tem capota menos inclinada e dianteira com linhas mais arrojadas. As medidas do modelo são 4,61 m de comprimento, 1,80 m de largura, 1,46 m de altura e 2,73 m de distância entre-eixos.
 
Para o mercado chinês, a Mercedes-Benz adiantou que o sedã será equipado com motor turbo 1.3 de quatro cilindros e 136 cv ou 163 cv de potência. Haverá também uma versão 2.0 de 190 cv e as duas opções terão câmbio automatizado de dupla embreagem de 7 marchas, transmissão presente em vários automóveis da marca alemã.
 
A Mercedes ainda não divulgou a motorização do Classe A Sedan destinada ao consumidor brasileiro, definição que deverá ser divulgada até o Salão do Automóvel de São Paulo.