C-HR na órbita do Brasil 





SUV compacto da Toyota pode chegar em 2018 para mexer no segmento mais bombado de automóveis.

 

29/12/2016 - Texto: Autoline | Foto: Divulgação


Gol: número 1 em sinistro


A Toyota jura de pés juntos que o C-HR não virá ao Brasil tão cedo. Dificuldades na importação do carro (que é fabricado na Turquia) e a alta demanda de outros mercados são fatores que complicam o desembarque do utilitário esportivo compacto por aqui. Mas em 2018 tudo pode mudar. O C-HR usa a nova plataforma global da marca, a TNGA (Toyota New Global Architecture). 


Essa estrutura é a mesma que servirá de base para a futura geração do Corolla, que será feito no Brasil no ano que vem. Ligue os pontos e o C-HR não só poderá ser comercializado no país como feito em solo nacional. Daqui a um ano, a Toyota também fabricará os motores 1.8 e 2.0 do sedã em Porto Feliz (SP). O 2.0 aliado ao câmbio CVT deverá ser o powertrain do C-HR. Portanto, mais um indício que o SUV deverá chegar em breve.


A Toyota expôs o carro ao Brasil em forma de conceito no Salão do Automóvel de São Paulo, em novembro, com o intuito de sentir a reação dos brasileiros. Mas afirmou apenas que o SUV indica o futuro em termos de design para a marca. A conferir.

 

Gol: número 1 em sinistro